Últimos assuntos
» ♦ Treino com Arcos e Armas ♦
Hoje à(s) 2:16 am por Hera

» MVP - Pinça Destruidora - Hunter e Liodas
Ontem à(s) 4:58 am por Hipnos

»  ✮ Clareira do Alba ✮
Dom Out 22, 2017 8:56 pm por Hannah Crowler

»  ✮ Lago ✮
Sex Out 20, 2017 11:25 am por Achilles von Schönborn

» MVP - O Pássaro de Ouro - Melissa Thorne
Qua Out 18, 2017 6:36 pm por Hipnos

» MOP - Retiro - Pseustes
Qua Out 18, 2017 6:11 pm por Hipnos

» GvP - Ares vs Nine
Qua Out 18, 2017 4:52 pm por Hipnos

» Campos de Morango - ATUALIZADO 21/12
Ter Out 17, 2017 9:23 pm por Hipnos

» Enfermaria do Acampamento
Ter Out 17, 2017 1:40 pm por Hipnos

Irmãos
3 de 5
Créditos
» Skin obtenido de Captain Knows Best creado por Neeve, gracias a los aportes y tutoriales de Hardrock, Glintz y Asistencia Foroactivo.
» Demais Créditos ao fórum e a Mayu Amakura da Lotus Graphics.
Elite
6 de 9
Parceiros
27 de 33

MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Seg Jun 19, 2017 6:00 pm

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
Era bem tarde quando o garoto andava pelo acampamento, perdido dentro de seus próprios pensamentos. Seus passos o levaram até o cemitério, onde percebeu uma neblina subir pelas criptas. Não era fria, mas amornada como vapor de água de um cozimento. O garoto não tinha tanto medo, mas a sensação de que algo ruim aconteceria a qualquer momento, lhe tomava.

Um relinchar.

Um trotar.

Uma faísca.

Foi tudo o que o garoto sentiu e ouviu logo em seguida do vulto negro que surgia nas brumas amornadas do cemitério. Um único chifre fantasmagórico e olhos vazios foram o suficiente para que Egil soubesse o que assombrava o cemitério.

- Hum, então é você quem Hikari quer que eu "treine"? - disse uma voz que se materializou em cima do unicórnio de trevas. Ele era branco como um susto. Seus olhos eram escuros, vazios como o do pesadelo. Seus cabelos eram azulados e pareciam dançar no ar, como se a gravidade não lhe fizesse efeito - Meus irmãos já enfrentaram alguns de vocês e lhes deram as chaves que abrem o labirinto de Atena, mas como não sou chegado em proteger nada, não participei dessa empreitada - tagarelava sem razão.

O pesadelo relinchou - Hum... Me chamo Larva, o elemental fantasma e vim entretê-lo um pouco - disse el numa rizada boba e e fogos fátuos apareceram por toda a parte.

-------------------------------
EGIL 120/120HP 120/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 400/400HP

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Qui Out 05, 2017 5:34 pm

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



Um pequeno defeito de meditar sobre as palavras: tudo ao meu redor parecia desaparecer, perder a importância. O significado do símbolo tomava meus sentidos e me puxava para onde quer que houvesse uma concentração da energia estudada. Isso nem sempre me levava a lugares agradáveis. Agora, por exemplo, de algum modo eu fui parar em um antro de mortos.

– Maravilha das maravilhas... – cantarolei com um sorriso amargo quando vi a primeira lápide.

Caminhei até ela e me sentei em seu topo, sem me preocupar em olhar o nome entalhado na pedra. Não importava. O dono não ia se levantar para dar lições de moral sobre respeito aos mortos. Ou ao menos assim eu pensava antes de um arrepio percorrer minha espinha e uma fina névoa brotar do solo.

Era quente, como se saísse de uma fonte termal, e aos poucos envolvia o cemitério em um véu esbranquiçado. Não era preciso ser um gênio para saber que algo estava para acontecer. Algo interessante, talvez, mas não exatamente bom.

Baixei os olhos para o livro em minhas mãos. Mesmo com a pouca iluminação as palavras ainda se destacavam na página, convidando-me a ler. Principalmente a que me trouxe até ali.

Isa – gelo, estagnação, morte... Não surpreendia que tivesse me arrastado para o cemitério.  Mas a fumaça morna não condizia com seu significado. Era algo diferente, sombrio. Algo que veio com um relinchar de cavalo.

Ouvi o som dos cascos e comecei a folhear o livro em busca de outro símbolo. Um símbolo de luz. Duvidava que o barulho viesse de um pégaso amigável, e eu preferia não me juntar aos corpos carcomidos sob a terra.

Mal tive tempo de encontrar a palavra quando um unicórnio negro como a noite parou na minha frente. Seus olhos eram portas para o vazio, o chifre uma estaca fantasmagórica. Era uma besta majestosa. E um demônio, também, o que significava que minhas chances de sofrer uma morte prematura eram maiores que o desejado.

Levantei-me e deixei a lápide entre eu e o unicórnio sombrio. Uma proteção tosca se tratando de um monstro, mas ainda era melhor do que nada.

– Eu já estava me perguntando que tipo de demônio deixa seu mascote passear sozinho. – comentei com um flash de dentes quando outro par de olhos surgiu em meio à névoa.

O condutor do animal parecia um cadáver boiando em um lago. Olhos mortos, cabelos flutuando ao redor do rosto e pele branca demais para qualquer coisa viva. A situação só ficava melhor. Ele moveu seu queixo cadavérico e começou a discursar como um vilão principiante sobre os motivos de estar ali. Ou melhor: o motivo. Hikari. Ergui uma sobrancelha, sem saber se estava mais irritado ou impressionado. A criança era mesmo uma caixinha de surpresas.

Duvidava que a faca escondida em meu casaco pudesse ferir o espírito. Se Hikari mandara aqueles dois ali, era com magia que eu devia lutar. Isso e um pouco de maldade da minha parte.

Ouvi com uma atenção dolorosa o restante do monólogo, tentando ler a intenção em seus gestos e palavras. No melhor dos casos isso me ajudaria a entender o que ele pretendia fazer. No pior, deixaria aquele rosto gravado em minha mente pelos próximos dias.

– Vai ser interessante treinar com você, Larva. – falei meneando a cabeça. Um cumprimento simples que me permitia olhar para baixo sem levantar muito alarde.

Tentaria ler a palavra de luz para lançar uma esfera contra a dupla. Eu só esperava que a névoa não estivesse espessa demais para isso, do contrário o máximo que poderia fazer era erguer o rosto e tentar dar uma cusparada deselegante no rosto do cavalo. Uma cusparada de brasas, é claro.

Se aquilo pudesse distraí-los me daria tempo para aumentar a distância entre nós e quem sabe até improvisar um plano melhor. Conseguindo ou não, também teria de tomar cuidado com os fogos fátuos – não queria aqueles sopros do inferno perto de minha pele. Ficaria atento para tentar desviar se algum deles chegasse perto demais. Agora, se o cavalo e o cavaleiro tentassem me atacar... Bem, o que mais fazer se não buscar sair do caminho? “Em desvantagem” seria pouco para descrever minha situação.



______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.
(Esfera do elemento luz)
✮ Bafo de Pimenta: Um feitiço simples que faz o usuário cuspir uma nuvem ardida pelas brasas de fogo. Causa 15 pontos de dano e ainda pode causar cegueira temporária. Custa 15MP

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Qui Out 05, 2017 8:19 pm

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
A bola de luz do filho de Horkos ateve seu brilho consumido pela névoa do cemitério. Larva se fundiu a névoa e sua risadinha de terror ecoava e impedia que o garoto dos votos soubesse sua exata localização. A noite lhe permitia ler pensamentos, mas estava tão embaralhado que Egil apenas conseguia se direcionar e não saber exatamente o que fazer. A unica coisa que o garoto pode realizar, fora uma cusparada de bafo quente no pesadelo do elemental fantasma. O animal ardeu em brasas, seu chifre iluminou-se em vermelho e de sua boca algo fervia em vapor, brasa e lança chamas!

Larva ria sem parar enquanto seu cavalo negro de chifre maligno cuspia uma labareda de fogo contra Egil!

-------------------------------
EGIL 120/120HP 90/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 379/400HP +dano de fogo!

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Sex Out 06, 2017 1:06 am

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



As coisas deram certo do jeito mais errado o possível. Eu consegui ler a palavra,  mas minha esfera se dissolveu como açúcar na água ao tocar a névoa. Um verdadeiro desperdício. E aquilo não era a melhor parte: quando levantei o rosto percebi que o elemental também tinha desaparecido.

Era esperar demais que ele tivesse visto o desafiante patético que eu era e ido embora. Ainda estava ali em algum lugar, rindo de minha desgraça, eu só não tinha como encontrá-lo. No lugar disso inspirei fundo e imagine uma fogueira. O calor, o fogo crepitante, as brasas pulando da madeira... Senti pedrinhas no interior de minha boca. Quente demais. Cuspi aquelas coisas no rosto do cavalo demoníaco.

O pesadelo abriu a boca para me pagar na mesma moeda. Com a pequena diferença de que preparava um verdadeiro lança-chamas, e não uma saraivada de brasas.

Quis ler uma palavra de água.  Ou uma de vento, talvez, para desviar a rajada no ar. Mas o que era eu e minhas esferas se comparado ao poder de um demônio? Hesitei, minhas chances não eram grandes o bastante para arriscar. Ao invés disso tentei me abaixar - colar o corpo na lápide na esperança de que ela me protegesse do fogo.

Se tudo desse errado pelo menos eu já estaria no chão, pronto para rolar na terra e providenciar mais algumas risadas para Larva enquanto buscava apagar as chamas.

A mente do espírito era um labirinto confuso de risos e sensações. Eu não conseguia discernir o que ele queria, muito menos o que pretendia fazer. Mas talvez seu mascote fosse mais simples. Procuraria entender a posição do animal naquilo - seus objetivos, suas lealdades... E, obviamente, tentaria descobrir se ele sabia onde seu querido condutor estava.

Caso conseguisse aquela informaçãozinha preciosa eu conteria um sorriso e me concentraria nas estrelas acima de nós, vasculhando suas energias em busca das que regiam a vida –  ou pós-vida –  do elemental fantasma. Queria impedir Larva de se mover. Tinha a ligeira certeza de que ele não ficaria parado por livre e espontânea vontade enquanto eu lia meu livro e tentava acertá-lo com uma esfera flamejante.


______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.
(Esfera do elemento fogo)
✮ Estasia Celestial: Habilidade de manipular a constelação pela qual o oponente nasceu e paralisar não só o oponente, mas todos os nascidos pela benção do mesmo Signo. Gasta-se 10MP

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Sex Out 06, 2017 3:16 am

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
A  lapido onde o garoto se escondeu esquentou a ponto de rachar em vários pedaços e ainda deixar a pedra brilhando como se tivesse se transformando em vidro. O garoto abriu seu livro na tentativa de criar uma bola de fogo. De fato em sua mão livre, pairava uma esfera inflamada de fogo vivo.

O unicórnio das trevas bufava invisível nas brumas, mas as risadinhas desapareceram e Egil pode observar Larva mais de perto, pois ele estava bem diante dele. O elemental era baixinho, devia ter 1,60  de altura ou alfo por ai. Seu corpo era todo costurado e ele vestia uma roupa preta agarrada como couro. Ele portava uma corrente presa à calça e suas mãos eram cobertas por luvas negras como a noite. Seus olhos eram vazios, seu sorriso largo e louco e seus cabelos realmente flutuavam como se estivesse no oceano.

- Sabe, eu não nasci sob influência de nenhuma estrela, mas tenta câncer. Dizem que em suas estrelas está escondido o portal para o mundo dos mortos - deu uma diquinha para o garoto. Egil lançou a bola de fogo, mas Larva aparou a esfera com um único dedo - Diferente dos meus irmãos, eu não sou um elemento básico, então, o básico, não pode me corromper - Deu outra dica e devolveu a bola de fogo contra o filho de Horkos. Porem, esta, crepitava azul e fria.

-------------------------------
EGIL 120/120HP 75/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 379/400HP +dano de fogo!

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Sex Out 06, 2017 5:29 pm

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



Senti minhas costas esquentarem quando o pesadelo soltou um chafariz de fogo e destruição. Aquele tipo de poder teria me matado em um estalar de dedos não fosse pela lápide, que agora estava quase tão deteriorada quanto o cadáver que identificava. Mas eu não tinha tempo para pensar nos mortos. Ou ao menos não nos que continuavam quietos debaixo da terra.

Esvaziei a mente e concentrei-me no cavalo. As risadinhas irritantes sumiram conforme eu passava a ver e sentir por olhos diferentes. Consegui enxergar o elemental fantasmagórico.

Roupas pretas e coladas, rosto pálido, cabelos que desafiavam a gravidade... Larva parecia uma versão remendada e maníaca da Siouxsie. Fiquei tentado a perguntar se ele era fã, talvez encerrar a noite discutindo música e comendo snacks, mas por algum motivo eu duvidava que ele fosse aceitar.

Voltei a encarar meu livro e procurei alguma palavra que não estivesse relacionada à luz. Não queria que minha esfera fosse devorada pela névoa outra vez. Depois de três páginas viradas encontrei um símbolo que funcionava – huo, um pictograma simples representando o fogo.

Dei um sorrisinho vitorioso quando uma esfera vermelha e flamejante apareceu sobre minha mão, mas ele teve vida curta. Quando me foquei no céu estrelado não consegui sentir nada relacionado à não-vida do elemental. Não havia fios para prendê-lo no lugar e eu, impulsivo demais para meu próprio bem, já tinha atirado a bola de fogo em sua direção.

Larva parou-a com um dedo. Ele brincava com a ideia de instrutor, soltando dicas sobre meus erros e o que eu podia fazer para acertar. Não sabia dizer se estava brincando com minha cara ou se falara sério sobre treinar. Não tive tempo de pensar nisso, também, porque o fantasma corrompeu a esfera em uma coisa fria e azulada, lançando-a de volta para mim em um jogo de queimada mortal.

Não tinha muito que eu pudesse fazer se não sair dali. Abracei o livro e tentei rolar para a esquerda, torcendo para ser mais rápido do que a bola. Depois seria hora de testar os concelhos do elemental.

Buscaria enxergar as constelações por um ângulo diferente – eu não queria a de nascimento, mas a que regia os mortos. Câncer, se pudesse levar a sério o que o fantasma dizia. Manipular essas estrelas talvez parasse aqueles dois enquanto eu procurava certa palavra em meu livro.

Se os quatro elementos básicos eram brinquedo nas mãos do fantasma eu precisava usar a raiz. Éter, akasha, alma... O quinto elemento acima de todos os outros, escolha o nome que quiser. Tentaria invocar uma esfera feita dele e lança-la contra Larva.

Eu suspeitava que aquele era o elemento de Larva, mas considerando que ele controlava todos os outros isso não fazia tanta diferença. De todo jeito ficaria atento para o caso do feitiço se virar contra o feiticeiro.


______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.
(Esfera do elemento éter)
✮ Estasia Celestial: Habilidade de manipular a constelação pela qual o oponente nasceu e paralisar não só o oponente, mas todos os nascidos pela benção do mesmo Signo. Gasta-se 10MP

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
➤ Veia Magica: Habilidade de criar feitiços de pouca duração. Ou seja, modificar uma magia comprada da loja de magias e modifica-las um pouco no calor da batalha. O efeito só dura uma única investida.  
(Estasia Celestial: Habilidade de manipular o signo que rege o oponente, seja esse de nascimento ou não, e paralisar não só o oponente, mas todos os que são regidos pelo mesmo signo.)
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Sex Out 06, 2017 6:38 pm

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
Larva estava paralisado e sorria em retorno. Ele cruzou os braços e aguardou o garoto evocar seja lá o que estava procurando em seu livro. Egil transmutou uma esfera de luz quente que rompia o tempo e espaço em pontos cintilantes de poder. As veias do garoto saltavam, pois o ÉTER é um elemento transcendente capaz de criar coisas do nada, a força de Deus em outras culturas, o limite da transmutação.

- Hum, mais forte que a luz, mais perigoso que a vida.... - comentou o fantasma.

O garoto ardeu em dor quando lançou a esfera, mas a mesma fora capaz de lançar Larva para longe. Mas ele já não estava ali. Apenas sua risadinha ecoava e os fogos fátuos azulados sussurravam na névoa. Egil agora sabia o que podia causar dano ao ser elemental e agora também descobriu que estava sendo treinado de alguma forma.

Mas ele não teve tempo de pensar em mais nada, Larva estava de volta e montado em seu pesadelo, pronto para mais uma labareda de fogo extremamente quente e brilhante. Egil sentia calor!

-------------------------------
EGIL 110/120HP 50/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 379/400HP +dano de fogo!

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Sab Out 07, 2017 1:21 am

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



Não fazia ideia de onde a esfera fria foi parar. Longe de mim, pela ausência de dores agoniantes, o que deixava minha mente livre para vagar até as estrelas acima de nós. Era uma sensação engraçada, navegar pelo cosmos de energia – como olhar um show de marionetes por cima. Logo senti a constelação dos mortos e imaginei-a presa, inerte. Um momento de suspense na roda do destino.

Larva não conseguia mais se mover. Parte de mim sentiu isso, e puxei minha consciência de volta para o agora. Ele me lançava um sorriso despreocupado enquanto eu reabria o livro e virava as páginas com mais calma do que sentia. Ri de minha própria desgraça. O elemental não se preocupava nem quando estava totalmente à minha mercê.

– Sua confiança me admira. – comentei quando achei a palavra certa. – E assusta um pouco, também.

Fiquei de pé, pousando o dedo sobre o termo “akasha”. O princípio original, pai de tudo mais o que havia no universo, a própria alma... E uma dor excruciante em meu corpo conforme o significado me preenchia. Era grande demais para um mortal, podia senti-lo rasgando e queimando em minhas veias para sair da forma de ideia e estalar no ar como uma esfera. Não aguentei segurar a coisa por mais que alguns instantes. Atirei-a e esfreguei minha testa dolorida enquanto assistia a sua trajetória até Larva.

E, é claro, ele desapareceu. Mas não antes de ser empurrado para trás pela esfera de éter. Não tive muito tempo para comemorar, ou mesmo para pensar sobre como os conselhos funcionaram tão bem. O bem-humorado elemental em roupas de bondage reapareceu logo em seguida nas costas de seu cavalo demoníaco. O pesadelo preparava mais uma rajada assassina.

Olhei para a lápide que usei de escudo da última vez. Parecia um pedaço de vidro e pedra derretida, o que não era o melhor dos agouros ou a melhor das proteções. Soltei um grunhido desanimado. Devia procurar outra, mas não achava que conseguiria encontrar em meio à névoa. Mesmo que tentasse ver pela mente de Larva, o que garantia que não afundaria outra vez na confusão das risadas?

Corri para o lado na esperança de sair da linha de fogo. Quando o lança-chamas findasse eu releria a palavra de éter e buscaria atirar uma nova esfera contra os dois. Isto é, se ainda estivesse inteiro o suficiente para tentar.


______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.
(Esfera do elemento éter)

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Sab Out 07, 2017 3:25 am

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
A labareda era bem quente e Egil podia sentir seu calor aquecer seu corpo, mas logo ela se tornou fria como uma noite de inverno. O garoto, assim que conseguiu uma boa distância, notou que o Pesadelo crepitava um fogo azulado, frio, medonho e distante.

Larva ria com a mão na boca para abafar seu sorriso e logo em seguida deitava em seu animal, tentando alcançar o chifre vermelho de seu animal místico - Hum.... Eter de novo? - falou o fantasma bocejando. Na ponta do chifre se acumulava um vento funesto de terror.

- Espero que você consiga me  acertar.... - falou e na mesma hora se multiplicou em trocentas outras cópias. Haviam varios pesadelos com Larvas em cima. Uns cavalgavam aleatórios pela penumbra, outros apenas olhavam Egil distantes com olhos brilhantes em tons de fogo azul, alguns até ameaçavam atacar, mas Egil continuava intacto. A esfera de Éter consumia o garoto de Horkos, mas ele deveria saber a hora exata de lançar essa energia.

-------------------------------
EGIL 110/120HP 50/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 379/400HP +dano de fogo!

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Sab Out 07, 2017 8:15 pm

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



As chamas lamberam o ar atrás de mim, perto o suficiente para eu sentir quando calor mortal se transformou em frio. Larva fazia uma versão dez vezes mais potente de seu truque com a esfera de fogo, e para melhorar minha situação o elemental nem parecia se cansar com isso.

Quando o frio esmaeceu para o que era comum das noites eu parei, arfante, e li a palavra de éter. Senti a força do elemento rasgar outra vez minhas veias, expandindo e explorando como se precisasse consumir minha carne para existir. Brincar de Deus não era muito agradável.

A esfera estalante surgiu em minha mão e eu olhei para meu alvo. Larva estava tão preocupado que parecia a ponto de tirar um cochilo. Dei um sorriso torto quando ele comentou sobre minha falta de originalidade.

– É como dizem... – forcei as palavras para fora enquanto tentava ignorar a dor. - O seguro morreu de velho.

Balancei os ombros e me preparei para liberar a esfera, mas hesitei ao ver o aglomerado de energia sinistro no chifre do unicórnio negro. Cerrei os olhos. O que ele pretendia fazer?

Como que para responder minha pergunta, Larva e o cavalo se multiplicaram em dezenas, talvez centenas de cópias. Quase caí para trás quando uma delas passou correndo por mim. As réplicas trotavam, encaravam e até ameaçavam atacar, mas não atacavam de fato. Pelo jeito o elemental só queria me dar um bom susto, e conseguiu – a esfera tremeluziu em minha mão com a quebra da concentração. Inspirei fundo e voltei a centrar minha mente. Por mais que não fosse fã da dor eu precisava manter aquela coisa queimando.  

– Você quer que eu escolha no uni-duni-tê? Ou prefere tirar no palito? – perguntei em tom de deboche.

Cantarolei a melodia infantil enquanto buscava me focar na mente do pesadelo, ver o que seus sentidos diziam sobre sua verdadeira posição. Tentaria usar isso para perceber quando a dupla se aproximasse e liberar a esfera.


______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
---

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Dom Out 08, 2017 11:07 am

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
O garoto se concentrou na mente do Pesadelo e conseguiu sondar o verdadeiro. Pelas brumas num ângulo de 60 graus de sua posição inicial, Egil achou o vulto verdadeiro e lançou seu poder na direção certa. O cavalo de trevas fora arrastado para longe e todas as suas cópias sumiram.

Entretanto, Larva e todos os seus cones voavam em círculos ao redor do filho de Horkos e riam como se alguém tivesse contado uma piada muito engraçada - Você é bom... Mas precisa ser melhor - disse o fantasma e na frente de cada uma das cópias um portal fantasmagórico apareceu e todos eles enfiaram o braço nele.

Egil sentiu um frio na espinha, um medo que não deveria existir e mãos de luva negra agarraram o garoto por todos os lados, o sufocando, imobilizando e gelando sua alma - Conheça o PSYCHI DAKRY - O filho do voto sentiu sua alma sendo rasgada por todos os lados quando as mãos o puxaram por todos os lados de uma vez só. Egil caiu no chão fraco e sem energia.

Ofegante.

Assustado.

- Levanta...
- dizia Larva num tom mais sério.

-------------------------------
EGIL 110/120HP 0/120MP
LARVA ???/???HP
PESADELO 228/400HP +dano de fogo!

Haymon Derrier


objetivo:
- combate sem enrolação

regras:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Egil Lorensen em Seg Out 09, 2017 5:04 am

o presente.
______________________________________________________________________________________
Palavras são nossa inesgotável fonte de magia.
______________________________________________________________________________________



Era um jogo simples: quem quer que eu visse pela mente do cavalo não existia de verdade. Seus vultos se tornavam ainda mais turvos, como se minha visão estivesse duplicada, e eu continuava a cantarolar a melodia enquanto apontava a esfera para cada um deles. Por fim meus olhos pousaram em uma figura distante.

– Não se preocupe. Vai doer mais em você do que em mim.

Senti o cavalo me percebendo, nossos olhares se cruzando, e girei minha mão em um gesto de arremesso. A esfera desgrudou-se de mim como um band-aid puxado com força demais, voando até o demônio e jogando-o longe. Cheguei a arriscar um sorriso antes da risada de Larva trovejar em mil vozes.

As duplicatas voaram pelo cemitério em uma velocidade impossível de acompanhar, fechando um círculo ao meu redor antes que eu tivesse chance de reagir. Via apenas relances do rosto fantasmagórico enquanto girava às pressas a procura de uma abertura no aglomerado de espectros. Não tinha nada. A não ser que eu criasse asas não encontraria nenhuma escapatória.

Aquilo já bastava para me deixar longe de tranquilo. O presentinho de Hikari era um ser poderoso, capaz de me destruir em um estalar de dedos caso se importasse o bastante, e agora eu não sabia de onde viria seu ataque. Quase me convenci a tentar espiar sua mente para descobrir, mas de que aquilo adiantaria? Eu já tinha me mostrado incapaz de navegar pelo turbilhão de pensamentos do elemental.

Teria sido inútil, de qualquer forma. Eu pensava pequeno. Esperava que Larva avançasse por um só lado, enquanto ele agia em coro com suas duplicatas. Só consegui perceber isso quando vários portais fantasmagóricos rasgaram o ar. Elas passaram seus braços pelas fendas no espaço-tempo, e então já era tarde demais para fazer qualquer coisa que não gritar conforme dezenas de mãos me agarravam.

Um arrepio de puro desespero percorreu meu corpo. Os dedos negros pressionavam minha garganta e eu nem sequer conseguia me debater, lutar pelo ar que se estagnava no meu peito. Senti o pânico se acumular como um bolor na boca do estômago. Congelando, me fazendo pequeno e insignificante – ou mais pequeno e insignificante do que já era. Eu não iria conseguir sair dali. Meu coração acelerava com a certeza disso, de que pararia a qualquer momento, de que aquelas mãos infinitas tocavam, agarravam e arranhavam mais fundo do que a pele – rasgavam a alma. Tive vontade de lutar, mexer, correr, fazer qualquer coisa para escapar. Eu precisava escapar. Mas era forte demais. Ou melhor, eu era fraco demais. Quase consegui ver uma projeção de minha mãe enfiando a mão na minha cara e gritando aquilo com toda sua doçura.

Então as duplicatas me soltaram. O que é o jeito açucarado de falar que drenaram toda minha energia em um golpe que dilacerou minha própria essência. Mal tive forças para colocar os braços trêmulos na frente do corpo antes de tombar no chão. Ofeguei, sentido meu cabelo grudar na camada de suor que cobria minha pele e o fantasma do pânico reverberar por minha mente.

Teria ficado assim por sabe-se lá quando tempo se Larva não tivesse falado. Estremeci ao som de sua voz, sentindo uma súbita vontade de me encolher em uma bola, chorar, pedir por socorro... Todos esses atos heroicos. Mas seria irrelevante. Eu estava sozinho.

Juntei os cacos de coragem que eu não possuía e tentei ficar de pé, minha mão pousando num impulso no lado do casaco onde minha faca estava escondida. Era de bronze, tão poderosa quanto um novelo de lã quando usada contra fantasmas, mas eu mais procurava um conforto do que uma abertura para atacar. Precisava acalmar a mente. Forcei-me a encarar Larva antes de usar meu trunfo final, minha estratégia mais desesperada de sobrevivência. O vazio de seus olhos parecia querer me engolir. Antes que eu perdesse a coragem abri a boca e soltei as palavras:

– Você curte Siouxsie?


______________________________________________________________________________________
at: graveyard
with: Larva (NPC)
tag: #MvP #training #magic
______________________________________________________________________________________


thank you secret from TPO.


Itens levados:
➤Faca de bronze Básica (+10 Ataque)
➤ Livro das 1000 Palavras: Um livro de capa dourada com um olho vivo no meio dele. Este livro, se lido corretamente pode criar esferas elementais (qualquer um que queira) com dano de 45 pontos por 15MP.

Qualidades & Defeitos:
[DEFEITOS]
➤ Insuficiência: Defeito de quem não acredita na sua própria capacidade. Turno sim, turno não, o jogador deve vacilar em fazer algo.
➤ Desprezo: falta de compreensão do outro ser, causa desprezo, ou seja, não suportar ficar junto de um tipo de pessoa. Desprezo por pessoas mandonas
[QUALIDADES]
➤ Coração Centrado: Habilidade natural de não sentir atração por qualquer um. Isso implica em não sofrer por amores por qualquer coisa a não ser que esse sentimento seja fortemente induzido.  
➤ Boa Memória: Capacidade de armazenar informação e usa-las com precisão.

Modificadores:
➤ Treino em magia: 3 x 2 = +6 dano em magia
➤ Inteligência: -3% gasto de MP

Habilidades ativas utilizadas:
---

Habilidades passivas a serem consideradas:
➤ Sapiência Noturna: Habilidade de ler pensamentos e intenções durante o período da noite, se não houver luar.
avatar
Mensagens : 14
Ver perfil do usuário
Egil LorensenFilhos de Horkos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Hipnos em Seg Out 09, 2017 1:21 pm

Brumas do Cemitério
O chrifre Vermelho
Larva cruzou os braços e soprou a franja com a pergunta boba do filho de Horkos.

- Hum, não. Prefiro Mozart. É mais fácil ouvir música clássica quando se quer usar meu tipo de elemento - confessou Larva - Alias, eu sou o elemental do espírito, ou fantasma como muitos preferem - falou e logo soltou uma risadinha que ecoou pelo cemitério - Eu espero que Hikari esteja satisfeito com a aula que dei a você...

Larva tinha o corpo meio transparente as vezes e tremeluzia conforme o luar se intensificava ou não. A unica coisa que Egil não entendia, era o que o elemental estava ensinando ou se o combate era uma aula ou não.

- Meus outros irmãos estavam ocupados guardando chaves e enigmas dos outros deuses e como meu único trabalho é assustar criancinhas - riu-se com sua piada - Cedi meu tempo para lhe ensinar alvo muito valioso: Não subestima seu oponente, jamais. Existe sempre um truque na manga, um psychi dakry pronto para te surpreender....

O elemental fantasma continuou dando umas dicas sobre como usar o livro de 1000 palavras e como pensar em outras possibilidades que não o éter logo de cara. Além disso, Larva entregou ao garoto uma lasca do chifre de seu Pesadelo para futura forja de algo mágico. O moço vestido de negro abriu um sorriso largo, seus olhos vazios continuavam sem vida e numa risadinha longa, sumiu.

Egil estava no cemitério. Cansado. Em paz.

-------------------------------
EGIL 110/120HP 0/120MP

Haymon Derrier


Recompensa:
- 150XP
- 100 D$
- 6 pontos de Magia
- Lasca de Pesadelo: Um pedaço do chifre vermelho de um Pesadelo. Esse fragmento adiciona 25 pontos numa arma forjada, além de adicionar propriedades de fogo e espírito no equipamento. [Item de Forja]
avatar
Mensagens : 658
Ver perfil do usuário
HipnosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MvP - Brumas do Cemitério - Egil Lorensen

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum