MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Página 1 de 7 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Qui Out 06, 2016 12:24 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS
Eram três garotos novos no acampamento, mas que vinham se destacando pelas semanas que estavam ali. Foi por isso que cada um deles recebeu uma carta misteriosa selada com um selo de coruja. O envelope branco continha dentro dele um convite escrito em dourado:

"A esfinge precisa de um novo enigma para continuar a proteger os limites do Egito e todos os seus mistérios e selecionei vocês três a dedo para completar essa missão tão arriscada. Espero que compreendam que o destino de vocês está selado à jogos e enigmas dentro de minha cabeça, mas antes precisam achar a porta para dentro da minha imensidão.

Atena, a sábia"

Cada um deles, onde quer que estivessem, sentiu de ir até um lugar do acampamento. Talvez esse fosse o primeiro desafio deles. Talvez fosse só a morte os chamando mais cedo para um abraço lingo e mortal.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Digam onde estavam quando receberam a carta e me informem pra onde foram depois disso. Podem escolher entre praia, colina, gruta ou arena. não precisam fazer tudo junto, podem agir separadamente.

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte


Última edição por Hipnos em Sex Out 27, 2017 10:23 pm, editado 3 vez(es)
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Qui Out 06, 2016 6:25 pm


Lothar Frostwolf

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


A noite havia sido conturbada, os pesadelos referentes a morte de minha mãe continuavam a me assombrar. Acordo ainda assustado com as cenas que se repetiam em minha cabeça, então como de costume foi a beira do chalé a parte mais ao sul e próxima ao mar. Sento-me sobre as madeiras do local observando a água, por incrível que pareça aquilo me acalmava. Era estranho para mim, mas aos ouvidos de outros campistas seria normal, afinal, sou filho de Poseidon. Meus pensamentos iam se perdendo e misturando-se quando algo me chama atenção, um envelope branco que descia do céu, ele girava e era guiado pelo vento até pousar em meu colo. Uma pequena coruja selava o mesmo, sua suavidade me deixou intrigado. Observo o local para ter certeza de que não era uma pegadinha de algum semi deus engraçadinho e então rompo o selo.

"A esfinge precisa de um novo enigma para continuar a proteger os limites do Egito e todos os seus mistérios e selecionei vocês três a dedo para completar essa missão tão arriscada. Espero que compreendam que o destino de vocês está selado à jogos e enigmas dentro de minha cabeça, mas antes precisam achar a porta para dentro da minha imensidão.

Atena, a sábia"


Atena, a Deusa da sabedoria havia me selecionado para algo, mas porque eu? E outra coisa que me perguntava, “vocês três” mostrava que eu não fui o único a receber esta carta. Muitas perguntas e sem nenhuma resposta, o que eu deveria fazer? Para onde ir? O único que vinha a minha cabeça era Poseidon, mas sua ausência não seria útil neste momento, de qualquer modo resolvo arriscar. – Pai, o que devo fazer? Porque me escolher se sou inexperiente? Você é o único que pode me responder isso agora... – Meu olhar que estava na imensidão azul do mar, retoma para a carta, eu a guardo e me ergo como se esperasse uma resposta de meu progenitor. O que como de esperado, não acontece. Adentrando o chalé novamente vou até minha cama, ao seu lado em uma pequena cômoda estava meu colar e espada, ambos presentes de meu pai. Acomodo a lâmina em minha cintura, e o colar deixo preso em meu pescoço com o pingente para dentro da blusa. Dou uma última olhada no local e então me dirijo para a arena, quem sabe lá eu encontrasse alguma resposta.

Meus passos eram lentos e despreocupados, meu olhar era atento para as mãos dos campistas, afinal eu deveria encontrar quem mais teria tais envelopes. Na arena eu poderia me consultar com o Sátiro, o instrutor. Afinal, ele fora o único amigo que eu havia feito e acreditava que ele seria de minha confiança. Assim que chego no local, não o encontro, ainda era muito cedo para ele estar ali, muitos estariam tomando seus cafés da manhã. Suspiro e resolvo aguardar, eu não estava com fome após ler aquela carta, e eu precisava obter respostas. Sento-me na arquibancada, tomo a carta em minhas mãos e fico observando o selo da coruja, analisando-o.

Equipamentos:
➤ Espada de Marés: Uma espada de ouro imperial com capacidade de cortar magia. Ou seja, se usada contra magia, o dano da mesma é cortado pela metade. 50 dano.

➤ Gota de Mar: Um pingente em forma de gota, contendo as lágrimas de Amphitrite. Estas dão mais força aos poderes aquáticos do filho de Poseidon. 25% a mais de dano de água.
Defeitos/Qualidades:
[DEFEITOS]
➤ Vício
➤ Orgulhoso
➤ Desprezo [Por Mentirosos]

[QUALIDADES]
➤ Esgrimista
➤ Bondoso
➤ Líder

POST: 004
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Qui Out 06, 2016 10:49 pm


Missão da Tia Esfinge

        Acordei mal humorada, havia passado a madrugada perambulando pelo chalé. Mal me lembrava  quantas vezes havia  levantado a noite e tomado um banho frio  por causa dos pesadelos, os outros filhos de Ares dormiam e roncava em sono pesado e profundo.
 Quando amanheceu não era de se esperar que eu estivesse com cara de mal dormido,  prendi o meu cabelo em um coque desarrumado e apenas tomei outro banho gelado para tirar o suor noturno do corpo.
 Sai do banheiro enrolada na toalha, meus meio irmãos continuavam dormindo em sono profundo demais para ver qualquer coisa. O que não faria diferença já que estava de lingerie por baixo da toalha, procurava uma roupa confortável dentro da minha mala quando uma carta branca com selo de coruja se encontrava enroscada sobre minha farda de soldado, presente especial de papai Ares que havia resolvido dar as caras pra me deixar um agrado. Peguei a carta avaliando ao redor, podia ser algum dos filhos de Ares me fazendo uma pegadinha ou zombando da minha cara. Infelizmente o lugar parecia mais o jardim do maternal na hora de dormir.
Abri a carta com cuidado observando as letras douradas e a caligrafia perfeita que só podia ter sido feita por um profissional.

     "A esfinge precisa de um novo enigma para continuar a proteger os limites do Egito e todos os seus mistérios e selecionei vocês três a dedo para completar essa missão tão arriscada. Espero que compreendam que o destino de vocês está selado à jogos e enigmas dentro de minha cabeça, mas antes precisam achar a porta para dentro da minha imensidão.

Atena, a sábia"


 Okay, agora era verídico Atena estava me mandando para uma missão? Uma filha de Ares? E quem era esses outros dois campistas? Porque nós três? Porque a esfinge não se virava sozinha?
 Eram tantas perguntas em minha cabeça que me deixaram zonza, provavelmente não se trataria de uma pegadinha já que minha mala passava 24 horas fechada. Trinquei os dentes imaginando o que Ares faria, provavelmente iria feliz da vida pra guerra já que ele era um imortal. Mas eu era mortal, não podia recusar o pedido da deusa mais também não confiaria 100% que ela  não nos sabotaria apenas para se divertir no Olímpio junto com os outros deuses enquanto estivéssemos a ponto de morrer.
  Vesti minha farda e uma blusa branca em decote U colada ao corpo, deixando a jaqueta aberta para que não ficasse tão formal e pudesse esconder minha adaga e outras coisas sem ficar marcada no corpo. Peguei minhas armas e sai indo em direção da arena,  se alguma missão havia sido decretada provavelmente os sátiros e instrutores iriam nos informar adequadamente na arena.
  Assim que entrei na arena algo me chamou a atenção, um garoto loiro bonitinho sentado sobre a arquibancada mexia em um envelope branco igual ao meu. O garoto parecia um pouco distraído observando a sua carta, comecei a andar em sua direção mais a poucos centímetros dele posso ver o selo da coruja na borda.
-Ah, então você também e um dos campistas dos jogos mortais de Atena? –perguntei, olhando fixamente para o semideus de olhos azuis e pele meio bronzeada.


ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar

DEFEITOS/QUALIDADES:

DEFEITOS:
➤ Irado
➤ Fobia: Escuro.
➤ Paparazzi

QUALIDADES:
➤ Intimidador
➤ Arruaceiro
➤ Líder
➤ Vocação Parental [Mãe enfermeira]


LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Robert Thompson em Sex Out 07, 2016 6:17 am


Death Awaits All
Son of Thanatos

Mais um dia havia se passado e, novamente, o filho de Thanatos mal havia saído do chalé. O rapaz não gostava da luz do dia e nem de interagir com outras pessoas. Sua noite, porém, havia sido ótima. Ela ajudava Robert a descansar e pensar. Com o dia chegando, uma carta com um selo de coruja havia sido deixada na cama do jovem quando ele foi ao banheiro. Sentando em seu local de descanso, a prole de Thanatos tomou o papel em suas mãos e leu seu conteúdo.

“A esfinge precisa de um novo enigma para continuar a proteger os limites do Egito e todos os seus mistérios e selecionei vocês três a dedo para completar essa missão tão arriscada. Espero que compreendam que o destino de vocês está selado à jogos e enigmas dentro de minha cabeça, mas antes precisam achar a porta para dentro da minha imensidão.

Atena, a sábia”

Robert abriu um pequeno sorriso ao final do texto, a curiosidade falando alto. “O que Atena quer com um filho da morte?” ele se perguntava. Tendo a certeza que só descobriria se agisse, o rapaz guardou a carta e foi até suas armas, colocando seu manto por cima da roupa e segurando as Gêmeas com as mãos. Deuses, ele amava aquelas armas. Guardando-as em suas vestes, Thompson saiu da escuridão de seu chalé para a luz do Sol.

Já fora do local, o rapaz não sabia para onde deveria ir. Afinal, a carta não dava para ele informação alguma de lugares, apenas dizia para encontrar a porta. Um instinto, porém, impele Rob de seguir até a arena, um dos únicos lugares que lhe era, de certa forma, familiar. Com passos rápidos, puxando o capuz de seu manto sobre o rosto para proteger-lhe da luminosidade solar, ele fez seu caminho até a área de treinos dos semideuses.

Adentrando a arena, seus olhos contemplaram a mesma uma vez mais. O lugar estava praticamente vazio, exceto por duas pessoas: uma moça e um rapaz que aparentava ter a mesma idade. Com o cenho franzido, Robert observou que ambos estavam próximos, ouvindo a voz da jovem indagar o rapaz algo sobre Atena. Ao que parecia, ele não havia sido o único a receber a carta. Levando sua mão direita até uma de suas pistolas, mas de forma que eles não pudessem vê-la, ele aproximou-se, recostando-se em uma das paredes, ficando de frente para ambos.
- Olá – pegando um de seus cigarros, ele o acendeu. Dando uma longa tragada, continuou: – Vejo que vocês também foram chamados.

Armas Levadas:
➤ Gêmeas do Mal: Duas pistolas negras com cano de prata. Suas balas são de ferro negro e causam 45 pontos por bala. Se são duas, causa 90 pontos de dano. Não se pode usar duas vezes seguidas, pois precisa recarregar.
➤ Manto da Morte:  Uma capa negra com touca que esconde a personalidade boa do filho de Thanatos e causa terror em quem o vê.
Defeitos e Qualidades:
[DEFEITOS]
➤ Asimimaníaco
➤ Vício [Cigarros]
[QUALIDADES]
➤ Soldado
➤ Arruaceiro
➤ Educado


® Credits to Lux
avatar
Ver perfil do usuário
Mensagens :
7

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Sex Out 07, 2016 4:39 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS
Os três foram diretamente para a arena. Obviamente era o único lugar onde tinha uma porta e um dos únicos locais onde encontrariam respostas, se, porem, contudo, todavia, houvesse alguém lá.

A arena estava vazia e os passos do trio ecoavam a medida que davam um ou dois passos para dentro do salão. Quando os três entraram de vez, a porta principal se fechou. Sammi tentou abrir a mesma, mas não teve exito algum. O local estava lacrado.

De repente, o vazio da arena foi interrompido por um calor que aumentava a cada respirada que davam. A cada ar que sugavam da atmosfera, seus corpos esquentavam. Robert, o mais sensível dos três, notou uma presença invisível ali. Não era um fantasma, nem nada parecido, mas era o responsável de deixar o ambiente quente igual o inferno.

- Acho que fui o primeiro HAUHAUHAUHA - disse uma voz animada.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Já que os três estão na arena, o objetivo de vocês é o mesmo. lidar com esse calor e o dono da voz.

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Robert Thompson em Sex Out 07, 2016 6:29 pm


Death Awaits All
Son of Thanatos

As portas da arena se fecharam, não muito após o trio completo estar lá. Com o canto dos olhos, Robert viu a moça ir até a saída do local e forçar as portas, mas de nada adiantou. Estavam presos ali. Thompson não deu muita importância para o fato, até sentir uma presença diferente no centro do lugar. Seu corpo começou a esquentar e cada vez que inalava ar, sentia a temperatura subir. O rapaz sabia que havia algo ali. Concentrando-se, notou que não era exatamente um fantasma, mas sim outra coisa.

Sem intimidar-se com a voz saída do nada, ele manteve sua respiração calma, fechando os olhos, buscando sentir aquela presença. Virando seu rosto naquela direção e fechando os olhos, ele falou em sua mente, tentando com que sua voz fosse ouvida por aquela presença “Quem é você? O que quer aqui? O primeiro de que?” eram muitas perguntas, Robert sabia, mas o sangue de seu pai o ajudava a influenciar seres como aquele.

Abrindo seus olhos, a prole de Thanatos segurou uma das Gêmeas do Mal, mas ainda mantendo-a guardada. Com a mão livre, segurou seu cigarro, dando mais uma tragada antes de tirá-lo da boca. Soltando o ar devagar, o loiro ainda fitava a direção na qual havia vindo a voz. Uma vez mais, colocou o cigarro nos lábios, segurando agora sua segunda arma, preparando-se para sacá-las em caso de necessidade. Robert esperava, de alguma forma, que seu manto o ajudasse a intimidar aquela presença o suficiente para que ela fosse embora ou, ao menos, conversasse com ele. Esperando pela resposta, ele falou com os outros dois no recinto:
-
Tenham cuidado vocês dois. Há algo... não humano e nem fantasmagórico por aqui. É simplesmente uma... presença.
Poderes Usados:
Ativo:
➤ Espectropatia: Capacidade de comunicar-se com o meio espiritual de forma telepática. Em outras palavras, consegue conversar mentalmente com espíritos, fantasmas, presenças, esqueletos e zumbis. Gasta 5MP.
Qualidade:
➤ Educado
Defeito:
➤ Vício: Cigarros


® Credits to Lux
avatar
Ver perfil do usuário
Mensagens :
7

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Sex Out 07, 2016 7:23 pm


Lothar Frostwolf

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


Estava sentado nas arquibancadas observando o envelope, o que parecia ter cada vez menos sentido para mim. Não demorou muito até que uma voz me chamasse a atenção, era suave, porém firme e até mesmo receosa. Meu olhar vai de encontro ao dela, e fico meio sem o que falar. – Eh.... Acho que sim. – Falo meio baixo, quando sinto que mais alguém estava ali, outro campista. Para um lugar que deveria estar vazio, este já estava bem cheio. Assim que o rapaz termina suas palavras a porta atrás dele se fecha, o que me surpreende, por incrível que pareça. A garota volta por onde entrou, tentando abrir a porta, não obtendo sucesso.

Observo ao redor, começando a sentir um calor tomar o local, desço da arquibancada lentamente olhando o nada, a procura de uma porta. Uma voz ecoa em nossas cabeças, ela parecia ser a causadora de tudo isso e mais, estava se divertindo. Não demora para que o garoto se pronuncie. E eu lá, sem saber o que fazer, eu era um novato no local e não conhecia muito sobre criaturas e monstros. Olho novamente a arena, em busca de água, afinal era onde eu mais me sentiria bem, um bebedouro ou até mesmo garrafas de água, qualquer coisa que pudesse me ajudar.

- Preciso que você o encontre, se é que você pode. – Falo para o semi deus, eu sequer sabia seu nome, mas não havia tempo para cerimonias. – Ajude-me a encontrar água.... – Faço uma pausa na fala, pois não sabia como chama-la. Após isso voltaria a minha busca, esperando que eles obtivessem sucesso e eu também. Afinal, eu não estaria pronto para morrer ali, não sem cumprir minha missão, não sem provar a Poseidon que eu era digno de representar seu nome.

Qualidade:
➤ Líder

POST: 005
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Sex Out 07, 2016 8:03 pm


Missão da Tia Esfinge

        A situação não parecia nada boa, após o terceiro campista entrar na arena a porta se fechou de imediato. O que pelo meu conhecimento de filmes de terror não era nada bom.
 Corri ate lá, a porta estava realmente trancada e para o nosso azar a situação só piorava ainda mais a medida que os segundos passavam. Não demorou muito para perceber que se tratava de uma armadilha, aquele calor infernal lembrava de alguma forma as forjas do acampamento. Podia sentir o ar quente enchendo meus pulmões, o gosto do calor invadindo meu corpo e a imensa vontade de retirar minhas roupas. Chutei a porta com raiva, isso só podia ser palhaçada...tentei me controlar.
 Robert o garoto loiro de olhos escuro que havia chegado fitava o vazio, algo em sua expressão demonstrava claramente que não estávamos sozinhos ali.  Tentei engoli em seco e soltei a maçaneta da porta voltando minha atenção para frente onde o menino olhava.
- Tenham cuidado vocês dois. Há algo... não humano e nem fantasmagórico por aqui. É simplesmente uma... presença. - disse o menino recém-chegado.
- Acho que fui o primeiro HAUHAUHAUHA - disse uma voz animada, ecoando de leve pela arena.
O garoto que sentava na arquibancada veio ate nós, parecia tão preocupado quanto ambos. O que demonstrava que ele não sabia o que se passava tanto quanto eu, isso pareceu ainda pior.
- Preciso que você o encontre, se é que você pode. – Falou o garoto para o outro semideus.– Ajude-me a encontrar água.... – pediu o garoto para mim, provavelmente era filho de Poseidon por pedir algo assim num momento como aquele.
Olhei para o filho de Poseidon, estávamos soando em bicas já. Se continuasse assim não demoraria muito ate que ficássemos desidratados, cansados e sem oxigênio para uma luta.
-Okay, faremos isso...juntos. Não sabemos onde essa coisa esta e nem como ela é.... -olhei para ambos, falando baixo. - Se nós nos separamos dará a aquela coisa uma brecha para atacar, então nada de movimentos desnecessario. Não sabemos quanto ar ainda resta ate que essa coisa de as caras.
Tentei não deixar o medo transparecer, aquilo era definitivamente medonho mais não podia. Minha lança parecia ainda mais pesada, engoli o amontoado de ar seco em minha garganta enquanto apertava com força a minha arma e a brandia para frente em modo de defesa caso o tal “ser invisível”  que o semideus dizia ousasse aparecer.
Comecei a avaliar a arena em busca de água, infelizmente enquanto aquele tal ser não desse as caras ficaria mais difícil andar pela arena sem a sensação de estarmos sendo observados, seguidos ou ate mesmo atacados a qualquer momento sem chance de defesa.    
-Que tal dar as caras pra descobrirmos se você é mesmo o primeiro? - Tentei persuadi-lo –Se bem que com essa sua cara feia do boneco do Jig Saw, nós morreríamos de dar risada! -continuei, esperando que o mesmo se mostrasse. Isso daria ao semideus meio Chico Xavier uma chance de encontra-lo melhor talvez, apertei minha lança firme e pronta.

ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar

Habilidade:

➤ Líder


LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Sex Out 07, 2016 10:31 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS
Os três estavam relativamente longe um do outro, deixando um gap no meio deles. No centro dessa brecha um fogo em forma de homem crepitava e ardia. O ar ficou mais pesado e os garotos sentiram seus pulmões arderem pelas fagulhas que respiravam.

- HAUHAUHAUHAUHAU - ria - Que grupo animado! - falou com energia demais.

Os campistas suavam e se arrastavam. Seus rostos estavam iluminados pela luz que o ser de fogo emanava e suas línguas pediam água. Certamente eles estavam fedidos de tanto suor e suas roupas ensopadas. Havia um pouco de medo estampado no rosto dos garotos, mas eles não expressavam esse sentimento.

- Como sou o primeiro, e todos os três vieram aqui, vou pegar leve com vocês! - Afirmou - Basta responder minha questão... - começou - O que é o que é... - Iniciou alegre demais para ser verdade - É gota, mas não chove, respira, mas não tem pulmão, quando falta, faz frio e quando tem, faz calor? - Crepitou ardente.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Já sabem o que fazer.

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Sab Out 08, 2016 8:22 am


Lothar Frostwolf

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


O calor estava aumentando cada vez mais, minha respiração começava a ficar ainda mais pesada. A essa altura a busca pela água era mais para nos saciar do que para uso em combate. A criatura finalmente surgiu, emergindo em fogo, as coisas estavam piorando cada vez mais. Onde diabos se meteram os campistas para não verem o que estava acontecendo aqui, e mais, um monstro não deveria poder ultrapassar a barreira e adentrar aquele lugar, a menos.... Sou interrompido pelo ser que se pronuncia. Eu paro minha busca, virando para as chamas e observando-o tentando ver o que realmente era aquilo.

O homem resolve deixar uma charada para nós, observo os outros. Fico pensando comigo mesmo, esperando que eles respondam, eu seria o último a me pronunciar. “É gota, mas não chove, respira, mas não tem pulmão, quando falta, faz frio e quando tem, faz calor?” Levo a mão até a cabeça, a primeira coisa que me vem à cabeça era Poseidon, pedir ajuda? Não, eu não iria. Após ele Atena, porquê a deusa nos daria aquela carta se iríamos morrer dentro do acampamento? Não fazia sentido; “quando falta, faz frio e quando tem, faz calor” Apollo, deus do sol me veio à cabeça. Mas será? Realmente, era uma divindade e não precisava de pulmão para respirar, mas quando a gota?

Minha cabeça já estava doendo, não só de pensar, mas pelo calor que desidratava meu corpo rapidamente. Não saco minha espada, afinal não seria útil contra alguém feito de fogo. Após todos terem dado seus palpites me pronuncio receoso: - Deus Apollo. – Olho para o ser, torcendo para que ele me achasse engraçado e idiota, e não me matasse. Minhas vestes começavam a me incomodar pelo excesso de suor nas mesmas. Limpo o rosto, fitando a criatura mas não diretamente para não ser cegado pelo fogo.


POST: 006
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Seg Out 10, 2016 9:35 pm


Missão da Tia Esfinge

        A situação piorou consideravelmente.
  A tal coisa deu as caras, ele tinha a fisionomia de um homem e estava em chamas. Engoli em seco a ansiá e medo se formando em meu corpo. Pelo menos agora podia lutar com algo visível. Ou assim esperava, as gotas de suor pingavam sobre meu peito. Passei a mão sobre o rosto tentando retirar a umidade inutilmente.
 O fogo dançava entre mim e os outros dois campistas, o que só piorava a situação...quanto mais fogo houvesse, mais gás carbono e menos oxigênio teríamos.
   Bufei, agora além de termos o figurante do quarteto fantástico também tínhamos uma charada Made In Esfinge, o filho de Poseidon e o outro garoto estavam consideravelmente separados de mim como naqueles Reality Show que testam seu QI valendo 1 milhão de reais, a diferença e que ali só valiam a nossa vida mesmo.
"Pare de ser tão debochada" -pensei comigo mesma.
   Tentava pensar em suas palavras, algo que se torna frio quando não tem e quente quando tem....algo que respira, gotas...
   Minha cabeça parecia um emaranhado de fios desencapados aleatoriamente, podiam ser tantas coisas e ao mesmo tempo nenhuma. Bufei, a falta de ar e água só pioravam a situação, me sentia em uma sauna. Molhei meus lábios torcendo para que esse inferno acabasse.
-Okay, ai vai... É gota, mas não chove, respira, mas não tem pulmão, quando falta, faz frio e quando tem, faz calor! - repeti sua pergunta, tentando dar alguma vantagem de tempo - É o fogo! -mordi o labio.
    Tentei não deixar o medo transparecer,tinha de demonstrar certeza em minhas palavras. Sentia os cabelos de minha nunca se pregarem a pele, minha roupa parecia tão quente quanto num dia de verão na praia. Respirei fundo me mantendo alerta, a qualquer momento aquela coisa poderia nos atacar e esperar o momento certo seria a melhor opção
    Minha lança parecia ainda mais pesada, engoli outro amontoado de ar seco em minha garganta enquanto apertava com força a minha arma, uma pontada em minha cabeça me dizia que não sairíamos dali vivos tão facilmente.


P.S.: Não postei fds, porque fds não fico em casa.
ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar



LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Robert Thompson em Ter Out 11, 2016 7:18 pm


Death Awaits All
Son of Thanatos

A cada segundo que se passava, Robert sentia a temperatura do lugar subindo mais e mais. Suor escorria de seu corpo e suas roupas estavam ensopadas. O calor estava começando irritar o filho de Thanatos quando, entre os três campistas, surge o dono da voz na forma de um homem em chamas. O jovem rapaz não conhecia aquilo.

Animado, o ser de fogo lança um desafio para os meio-sangues: “O que é o que é... É gota, mas não chove, respira, mas não tem pulmão, quando falta, faz frio e quando tem, faz calor”? Robert tentava pensar na resposta, contudo, a temperatura dificultava seus pensamentos, irritava-o. Limpou o suor de seu rosto ouvindo a moça repetindo a charada e tentando sua resposta. Infelizmente, a prole de Thanatos não havia pensado em nada. Ele sempre fora péssimo em adivinhações.

Com passos lentos, ele tentou aproximar-se de um dos campistas mais próximos, ouvindo agora o rapaz dando sua possível resposta. Rob franziu o cenho considerando ambas. Foram boas respostas, mas será que era um daquelas duas? Ele gostaria de poder ajudar, mas o próprio não tinha ideia alguma sobre o que poderia ser aquilo. Tudo o que lhe restava fazer era ouvir o ser em chamas dizer se haviam acertado ou não. Enquanto isso, Thompson mantinha suas mãos fixas nas Gêmeas. Ao que parecia, era apenas um trabalho mais intelectual, mas aquele ser desconhecido o passava grande desconfiança.


® Credits to Lux
avatar
Ver perfil do usuário
Mensagens :
7

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Qua Out 12, 2016 4:15 am

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS
Assim que o filho de Poseidon falou Apolo, o ambiente esquentou mais ainda. Os campistas conseguiam ver as coisas dançando como se estivessem embaçadas. O suor era tanto que seus sovacos pingavam pela lateral de seus corpos. Parecia que eles haviam corrido uma maratona de 1000 km ou que estivessem numa sauna por um mês inteiro.

Porem, o sofrimento durou pouco. Sammi foi mais esperta que os garotos e falou a resposta certa. O calor automaticamente cessou e o trio pode respirar normalmente. A língua de fogo tornou-se humana e eles puderam ver o dono da charada: um garoto baixinho de cabelos alaranjados e olhos vermelhos como se tivessem em chamas.

- Parabéns! - falou alegre demais para ser verdade - Passaram no primeiro teste. Faltam mais três para que porta se encontre - Falou e na mesma hora virou um coração feito de rubi. Na mesma hora, cada um deles soube para onde ir.

Haymon Derrier


Objetivo:
- cada um de vocês precisa escolher um lugar e seguir em frente. Escolham entre Gruta, Praia ou Colina.  

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Qui Out 13, 2016 5:41 pm


Missão da Tia Esfinge

        Já estava pronta para o pior com a resposta do filho de Poseidon quando a tal coisa demonstrou uma certa infelicidade com minha resposta, o fogo cessou de imediato tomando rajadas de ar frio sobre meu corpo, como um banho de água fria após uma maratona de corrida em sol fervendo.
 O tal homem de fogo se dissipou mostrando sua  forma real, um garoto baixinho de cabelos ruivos alaranjados e olhos vermelhos como se suas orbitas estivessem em chamas. Por alguns segundo isso me fez lembrar de como deveria ser os olhos do Deus da Guerra, meu pai.
- Parabéns! - falou cinicamente - Passaram no primeiro teste. Faltam mais três para que porta se encontre
  Um nó se formou em minha garganta, respirei fundo tentando controlar a enorme vontade de bater naquela coisa. Esses jogos mortais não iriam acabar mais? Ótimo! Era isso que precisava....
  Antes que eu pudesse dizer algo, o menino ruivo das chamas se tornou um coração de rubi. Cheguei perto dele para enxergar melhor se aquela coisa havia realmente virado aquilo, ao observar de perto o diamante de rubi vermelho senti de imediato uma enorme vontade de ir para a Colina do acampamento. Me virei para os dois semideuses.
      -Bom, acho que é aqui que nós separamos rapazes... -disse tentando soar confiante, sem que as palavras se engasgassem e um nó de silabas - - Cuidado, tenho a leve impressão que teremos coisa bem pior pela frente. -dei uma ultima olhada para ambos. -Que a sorte esteja nosso favor!
   Brandi minha lança partindo, deixando ambos para trás com suas escolhas. Por algum motivo irracional me preocupei de imediato com os dois campistas, imaginei que eles também possuíam esse pressentimento estranho sobre a missão.
      -Que Ares me ajude.-pedi baixinho.

P.S.: Também não posto em feriado kkkk' .
ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar



LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Robert Thompson em Qui Out 13, 2016 6:12 pm


Death Awaits All
Son of Thanatos

Com a resposta do rapaz, a temperatura do ambiente sumiu ainda mais, mesmo Robert achando que aquilo era impossível. O filho de Thanatos amaldiçoou o rapaz em voz baixa. O calor estava começando a deixa-lo realmente mal, seu suor pingava pelo corpo inteiro. Quando a moça dá sua resposta, porém, a temperatura começa a diminuir, ficando mais aceitável para todos no recinto. Fogo era a resposta acerta, afinal. Robert agradeceu-a mentalmente por aquilo. Ele estava começando a pensar que desmaiaria.
A forma do ser em chamas mudou aos poucos, tornando-se mais humana: era um garoto baixo, de olhos e cabelos alaranjados e olhos vermelhos feito fogo. Robert preferia vê-lo na forma de chamas. Ao terminar de parabenizar os semideuses – como se Thompson houvesse de fato feito algo –, o garoto transformou-se em algo pequeno. Olhando com atenção, a prole de Thanatos viu que aquilo era um coração de rubi. Naquele instante, ele soube exatamente para onde deveria ir. Ouvindo as palavras da moça, Robert abriu um largo sorriso.
- Vamos precisar dessa sorte.
Despedindo-se dos campistas que encontrou na arena, Rob saiu do lugar, sabendo que havia visto uma praia quando lhe apresentaram o acampamento. Era para lá que ele seguiria, buscando encontrar o próximo desafio.


® Credits to Lux
avatar
Ver perfil do usuário
Mensagens :
7

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Qui Out 13, 2016 10:42 pm


Tate Langdon

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


As respostas foram ditas, primeiro a da garota e depois a minha, mas o ser resolveu nos dar um pouco mais da prova de seu poder, aquecendo o local e após resfriando-o. Fiquei meio tonto, mas não desistiria facilmente. Fogo, realmente fazia mais sentido, achei que o ser faria algo mais difícil, o que não aconteceu. Ele terminou suas últimas palavras e então sumiu, deixando-nos ali sem entender muita coisa, mas eu sentia o local onde eu deveria ir. Uma leve brisa adentra o local, e sinto meu fôlego novamente renovado, ambientes fechados e sem ar não faziam meu tipo.

Observo todos se comunicando, e se despedindo, confirmo com a cabeça vendo que eles estavam indo aos locais, colina e praia. Dividir não era uma boa ideia, se uma criatura como essa resolvesse lutar conosco ao invés de fazer charadas, não daríamos conta sozinhos. Saiu do local acelerando o passo em direção as colinas, não buscaria a menina, mas manteria ela onde eu pudesse enxergar. Minha espada ficaria em mãos para evitar ser pego de surpresa.


POST: 007
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Sex Out 14, 2016 1:50 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS

TATE E SAMMI
-----------------------------------------
Sammi correu para a colina. Em seu encalço, o filho de Poseidon corria atrás dela, sem que ela percebesse. Mas, como ela é filha de Ares, percebendo que estava sendo seguida, não ligou para o assunto. A filha da guerra apenas seguiu seus instintos até seu destino, se Tate se sentia melhor seguindo-a, tanto fazia para ela.

Chegando lá, os campistas sentiram o vento balançar as arvores de um lado par ao outro. As folhas das copas dançavam no vento. A medida que subiam a colina, a dupla notara os troncos cheios de cortes, assim como pedras lascadas e pequenos animais mortos por todos os lados. O que estava morando ali na colina, não era nada normal.

Tate ficou escondido atrás de um pinheiro alto e largo, enquanto sua parceira estava no topo da colina. Diante dela, o vento rodopiava sublime, fazendo folhas e flores dançarem em suas brizas.


ROBERT
-----------------------------------------
O garoto chegou ao seu local de destino sem muitos esforços, até porque a praia ficava bem mais perto da arena do que a colina, e o melhor, ele não precisava subir nada, nem pular nada, nem se desviar de perigo algum.

Assim que ele chegou lá, a praia estava cheia de campistas idiotas batendo papo e participando de piqueniques nada heroicos. Os banhistas eram tão sem noção que nem notaram que o mar estava agitado. Robert, por outro lado, notara uma onda de pelo menos 4 metros de altura que avançava por toda a extensão da praia numa velocidade consideravelmente rápida. O garoto iria sofrer o impacto dela em pouco tempo se não fizesse algo, assim como todos os campistas despreocupados dali.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Sammi e Tate, façam o que devem
- Robert, você tem um pessoal pra salvar!!! 

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Sex Out 14, 2016 3:24 pm


Missão da Tia Esfinge

        Já estava na metade do caminho quando um barulho me chamou a atenção, atrás de mim um semideus loiro tentava se esconder entre as árvores da colina inutilmente. Revirei os olhos e continuei a andar pela trilha da colina, se o garoto queria me seguir para essa missão maluca a escolha era dele.
      -Mais, que diabos...-falei, observando a situação melhor.
As arvores estavam marcadas por cortes como garras, pedras quebradas por toda trilha da colina e alguns animais mortos. Fui ate um servo, seu corpo parecia um emaranhado de carne cortada em fatias desregulares enquanto o mesmo dava o ultimo suspiro antes que seus olhos se fechassem para sempre.
Me levantei olhando ao redor, a situação me lembrava claramente o Geografic History e aqueles outros programas que mostravam a vida dos animais perigosos. Apenas o som do vento batendo sobre o pico das árvores e deixando suas folhas caírem já era o suficiente para fazer qualquer um gelar.  
A ideia de ter que caçar aquela coisa não me parecia muito boa, respirei fundo e puxei minha lança. A adaga de bronze num momento como aquele não me ajudaria em um ataque curto se não soubesse direito o que aquela coisa era ou quais movimentos produzia.
Fechei minha jaqueta, deixando que a farda magica fizesse o seu serviço e se camuflasse entre o verde da pequena densidade natural da colina. Se aquela coisa podia se camuflar e se esconder ali, eu também. Olhei para trás esperando alguma reação ou comentário, se ele realmente estava me seguindo é a farda havia tido efeito que imaginava o mesmo provavelmente sentiria falta de quem estava a perseguir.
-Filho de Poseidon? - disse por fim, chamando-o.



ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado: Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar



LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Sab Out 15, 2016 8:05 am


Tate Langdon

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


Após algum tempo caminhando com minha atenção voltada a garota, acabo por tropeçar em um graveto, ela parece não ter me notado. Seguimos durante algum tempo, até que ela se abaixa vendo alguma coisa, eu me escondo para não ser visto. O vento sopra em meu rosto, o me tranquiliza. Eu certamente não chegaria perto de locais fechados por algum tempo.

Após alguns segundos volto a observar a garota, ou onde ela deveria estar. Por algum motivo ela pareceu não estar ali, mas não demora até que uma voz me chame, a voz da garota. Consigo perceber a ondulação de sua pele quando ela se pronunciou.  – Claro... – Falo meio cabisbaixo por ter sido descoberto.

Assim que me aproximo e vejo a cena, coloco a mão sobre o cabo da arma, sabe-se lá o que estaria a nos esperar. – Melhor tomar cuidado. – Termino por dizer, fazendo sinal para seguir pela trilha e descobrirmos o que nos esperava. Enquanto isso pensava em como o outro garoto estaria se saindo com seu desafio.


POST: 008
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Ter Out 18, 2016 8:30 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS

TATE E SAMMI
-----------------------------------------
A dupla estava atrás das arvores e a brisa rodopiante continuava girando com graça e elegância. Mas, foi antes que Sammi pudesse respirar, o tronco das arvores ao seu redor se dilaceraram em talhos profundos. Tate observou a cena, já que as arvores também foram talhadas perto dele. Um ou outro galho caiu no gramado, assim como uma perereca e um ninho de passarinhos cortado ao meio.

- Eu não preciso vê-los... - disse a voz masculina de tenor - basta eu soprar para todos os lados e pronto - concluiu o redemoinho sem forma.

Sammi e Tate notaram que não fora só ao redor deles que havia talhos fortes e fundos. Havia um raio ao redor do vento falante, cheio de destruição.


ROBERT
-----------------------------------------
A onda chocou-se na praia e arrastou campistas despreocupados contra a floresta, fazendo seus corpos esmagarem contra as arvores e se afogarem pelas águas salgadas em reboliço. Robert também fora arrastado como lixo pela potência d'água. Se ele não saísse do meio dela, iria morrer com metade dos campistas que estavam se afogando.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Sammi e Tate, façam o que devem
- Robert, você recebeu uma punição de 50% de perda do seu HP por não postar. Se demorar pra postar novamente, você morre. 

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Qua Out 19, 2016 5:05 pm


Tate Langdon

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


Não demora muito para que algo aconteça, as árvores a nossa volta se destroem, como se não fossem nada e em alguns segundos uma voz que parecia nos confrontar é ouvida. Em suas palavras podia sentir sua fúria, e assim como a entidade que apareceu anteriormente, está também era muito poderosa. Combate não seria a melhor opção, então teríamos de conversar.

- Não há porque se esconder de você. Afinal, você pode estar em todo lugar. – Falo indo em direção a parte mais alta. – Apenas fomos mandados até aqui, e estamos querendo entender o porquê. – Termino de me pronunciar sem fazer movimentos que ele pudesse considerar ofensivos ou agressivos. Olho para a garota, e aceno com a cabeça para que ela confie em mim, afinal, alguém precisaria confiar nessa loucura.



POST: 009
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Qui Out 20, 2016 2:22 am


Missão da Tia Esfinge

        Somos criados a acreditar que uma coisa não pode piorar, mais a verdade é que sempre piora. Consideravelmente.
      O barulho de madeira sendo forçada a quebrar no meio me fez recuar, ao nosso lado uma árvore tombou violentamente. Os galhos pareciam emaranhados de lixo verde onde antes estavam sobre as árvores ao nosso redor, recuei horrorizada com a cena.
        -Oh, god...-falei, observando a situação melhor.
        Um redemoinho sem forma, falava prazerosamente sobre seus feitos, o quão poderoso era e como nem mesmo a minha farda invisível serviria para alguma coisa. Abri o zíper da blusa voltando ao normal, a situação conseguia piorar consideravelmente a medida que nós avançávamos nessa missão suicida.
        O filho de Poseidon foi quem falou, o garoto parecia mais calmo e decidido do que anteriormente. Suas palavras tentavam projetar alguma especie de argumento com a tal "coisa", o que naquele momento levando em conta que não sabiamos do que se tratava se tornou a melhor solução.
         Ainda sim, não deixei minha lança de lado. Prevenir era melhor do que remediar, naquele caso remediar triplo.
        "Que ótimo, encontrei o culpado do filme 2012 em pessoa" pensei mentalmente, a tal coisa possuía um raio ao redor do vento
        -Tate, cuidado... - disse por fim, aquela coisa podia não ter mira boa ou estar apenas testando nossos reflexos. Como filha de Ares, era levada a acreditar nisso.
           Não queria pagar para ver, esperava que o outro semideus tivesse mais sorte do que nos.



ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado: Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar



LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Hipnos em Seg Out 24, 2016 4:20 pm

O LABIRINTO DE ATENA
AS 12 PORTAS

TATE E SAMMI
-----------------------------------------
O garoto de Poseidon saiu de seu esconderijo e com coragem perguntou qual o objetivo de tudo aquilo. A brisa rodopiante zunia com a canção de seus ventos e soprava o rosto dos garotos com suavidade. Da mesma forma que o vento era violento, ele também era suave e afagador.

- Vocês precisam disso... - do meio do tornado, uma mão branca aparece, segurando um cristal esverdeado em forma de coração - Sem essa chave, vocês não podem entrar no labirinto de Atena e concluir a missão que ela lhes passou

Sammi e Tate agora entenderam o proposito de batalhar contra o fogo e, agora o vento. O elemento rodopiou-se e um vento afiado formou-se cortando os troncos das arvores ao redor. O filho dos mares e a filha da guerra precisavam sair dali correndo, antes que os troncos desabassem por cima deles e os matasse ali mesmo.


ROBERT
-----------------------------------------
Robert estava se afogando em meio as águas e sua ultima visão, foi um garoto de cabelos negros, pele bronzeada e olhos extremamente azuis brilhando no meio do oceano de morte. O garoto, filho da morte sufocou-se e com espasmos duros veio à óbito. Com ele, outros sete campistas desprevenidos também se foram.

Como esperado, Thanatos tomou seu filho pela mão e transladou sua alma para junto de si. Robet provara a morte em si mesmo, e isso era delicioso.

Haymon Derrier


Objetivo:
- Sammi e Tate, façam o que devem 

regras gerais:
- Pode levar todos os seus itens se quiser.
- Coloque no final de todo texto, em "Spoiler" seus itens levados e suas qualidades e defeitos. Caso use uma habilidade seja ela passiva ou ativa, coloque também para eu ter noção do que você está fazendo. mas só coloque a habilidade que usou. Não faça uma lista enorme e queira que eu me vire.
- É possível que morra, então, não cometa erros muito abruptos e não seja super herói, pois eu posso dar uma de deus supremo e regaçar com você.
-boa sorte
avatar
Deuses Menores
Ver perfil do usuário
Mensagens :
743

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Sammi Scarllat em Seg Out 24, 2016 6:08 pm


Missão da Tia Esfinge

        A tal coisa parecia tão animada para nossa morte quanto a outra, respirei fundo torcendo para que não fosse verdade. O vento fazia meu cabelo embaralhar em trapos de fios, as folhas se debatiam com furia e raiva como se odiassem o tempo tanto quanto nós.
- Vocês precisam disso...  - do meio do tornado, uma mão branca aparece ligeiramente, segurando um cristal esverdeado em forma de coração igual a do rubi. Senti o cristal pesando em meu bolso. - Sem essa chave, vocês não podem entrar no labirinto de Atena e concluir a missão que ela lhes passou.
        Tive de sair correndo dali, as arvores haviam se tornado nossas inimigas naquele momento. Assim que a coisa as acertou, pude ouvir o barulho de madeira se quebrando novamente. Não fiquei no mesmo lugar para descobrir o que aconteceria.
        -Oh, então você também tem alguma charada, Sr Katrina?-falei, observando a situação melhor. Procurando um ponto de argumentação como Tate havia feito, minha voz ainda sentia a falta de água soando um pouco rouca.-ou deseja um duelo contra nós?
     A minha lança soltava pequenas fagulhas, queria poder ter uma voltagem suficiente para fritar aquele dublê de furacão katrina, mas naquele momento tudo que podia esperar era por um milagre....de chuva.

     
ARSENAL:

ARMAS:
➤Farda de Soldado: Um uniforme camuflado que quando precisa, a estampa muda para se misturar com o ambiente no qual o usuário está.
➤ Lança Elétrica:  Seu cabo é inquebrável e a ponta é elétrica, podendo fazer o inimigo se afastar ou hesitar, mas não uma eletricidade suficiente para causar queimaduras. 30 dano elétrico.
➤Adaga de Bronze [adaga simples, +15 dano]
POÇÃO:
⋆ Ceccita: Causa Cegueira. Durante 2 turnos seus oponentes terão as vistas embaçadas, ou seja, não poderão te atacar



LFG@
avatar
Filhos de Ares
Ver perfil do usuário
Mensagens :
138

20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Tate Langdon em Qua Out 26, 2016 3:40 am


Tate Langdon

I don't wanna hurt you! Though do i have to kill you.


Assim que terminei minha frase, algo mudou. Sua voz já não estava mais brava, pelo contrário, ele nos mostrava o que seria necessário para seguir a diante. Em sua mão estava a chave para adentrarmos o labirinto. O vento fica ainda mais forte e as árvores começam a se quebrar, seus galhos a cair. Olho para a garota que se afasta rapidamente, eu estava mais à frente dela e talvez não fosse rápido o bastante para sair dali.

Lembro-me sobre os dias de tédio no orfanato onde ficávamos assistindo canais de documentários, e neles dizia que o local mais seguro de um tornado era seu centro. E nele eu poderia conversar com aquela criatura e entender o que estava acontecendo. Então seria isso mesmo que eu faria, enquanto a garota se pronunciava e os galhos desmoronavam eu a olhei e disse: - Reze para eu não estar errado... – Falei meio baixo, mas acredito que ela tenha ouvido.

Em seguida corri na direção do tornado, mas sem pegar minha arma esperando que ele não interpretasse como um ataque. Tentaria desviar dos troncos caindo, até me aproximar e então arremessar meu corpo para baixo para poder deslizar até o centro da criatura. Eu esperava que essa tentativa fosse o suficiente para me salvar, e se não fosse, quem sabe eu já estaria morto.

POST: 0010
avatar
Filhos de Poseidon
Ver perfil do usuário
Mensagens :
20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: MNM - O Labirinto de Atena - Khallos

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 7 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum