Últimos assuntos
» ♦ TREINO DE AGILIDADE ♦
Hoje à(s) 5:46 am por Aaren Young

» EVENTO - JOGOS OLÍMPICOS
Ontem à(s) 4:46 pm por Hipnos

» MNM - Conchas de Coleção - Alessandro Novak
Qui Ago 17, 2017 1:39 pm por Hipnos

» MVP - A Garoupa - Jesse Diniz
Qui Ago 17, 2017 1:30 pm por Hipnos

» MNM - Flores noturnas - Agnes Walker
Qui Ago 17, 2017 1:53 am por Agnes Walker

» ★ Flores de Fogo ~
Qui Ago 17, 2017 1:31 am por Ace Kurama

» MNM- Confusão das poções- Carter Murdock
Qui Ago 17, 2017 1:21 am por Carter Murdock

» ♦ Treino com Espadas e Floretes ♦
Qua Ago 16, 2017 5:24 am por River Knowles

» Estábulos do Acampamento - atualizado 16/09
Seg Ago 14, 2017 3:39 pm por Agnes Walker

Irmãos
3 de 5
Créditos
» Skin obtenido de Captain Knows Best creado por Neeve, gracias a los aportes y tutoriales de Hardrock, Glintz y Asistencia Foroactivo.
» Demais Créditos ao fórum e a Mayu Amakura da Lotus Graphics.
Elite
6 de 9
Parceiros
27 de 33

The Dragon's Flame

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

The Dragon's Flame

Mensagem por Heloise Vox Wittemore em Qui Out 06, 2016 5:25 am

At the end of the night maybe you’ll find love Fake chit chat ’bout the things they got & my stout reputation keeping it hot girl
The Dragon's Flame

TÁ ABERTA (07/07/2017)

Afastada das demais forjas, encontra-se o cantinho de Alaska. Uma construção rustica com uma chamativa chaminé no topo da qual, sempre que a ruiva se encontra presente, sai uma fumaça indicando que ela está trabalhando. Um pequeno caminho de pedras guia o cliente até a porta dupla de carvalho, a mais nobre das madeiras. Sempre que um cliente chega e passa pela porta, é possível ouvir o tilintar suave de um sininho ecoar pelo local, indicando a chegada de alguém ao recinto.

O interior, sempre quente - temperatura comum da forja -, é repleto de desenhos e rabiscos dos projetos futuros elaborados pela ferreira. O ambiente é muitíssimo bem iluminado, revelando alguns dos poucos projetos finalizados e em fase final de acabamento, como uma manopla de bronze, uma armadura... Além de, é claro, uma pilha metálica dos projetos inúteis.

Assim que alguém entra, dá de cara com uma ante-sala, com alguns sofás de couro desgastado, uma mesinha de centro cheia de revistas dos mais variados gostos e um frigobar com refrigerante grátis para os clientes (apenas um, eu não sou rica). Mais ao fundo, há um balcão de madeira com verniz desbotado. Um ventilador de teto circula de forma lenta demais para amenizar o calor latende que circula ao redor da velha estrutura de madeira. A ruiva, dona do local, quando não está no interior da forja trabalhando, se encontra ali, rabiscando projetos e sempre dirige seu melhor sorriso para os semideuses que vão até ali, em busca de seu trabalho.

E, para o caso de não encontra-la por ali, uma automato em forma de gato estará sentado preguiçosamente em cima do balcão pronto para receber os clientes no lugar da ferreira. Com um sensor de movimentos instalado em seu sistema, ele sempre sabe quando alguém se encontra presente. E, assim que a pessoa se aproxima do balcão ele se levanta, soltando grunhidos metálicos ocasionados por suas engrenagens enquanto diz: "Seja bem vindo ao chama Azul, algum pedido? Minha dona já está chegando...!"

Regrinhas:


  • A forja não é um lugar off, portanto poste sua entrada e faça seu pedido. Todavia, pare sua narração por aí, pois, irei fazer a interação com você para que diga se aceita ou não o preço ofertado, além de fazer algumas considerações sobre o item idealizado. Quando postar sua segunda narração aceitando o preço, aí sim é que irei fazer sua arma.

  • Tudo o que for forjado por mim levará uma assinatura. Exemplo: [AJS] ~Iniciais do meu nome.

  • Se quiseres entrar em contato e debater mais sobre o item desejado, só poderás encontrar-me no chat. Se for urgente, mande uma mp com o título "Forja", caso possua meu contato off, pode me atribular por lá também.

  • Abaixo segue a ficha, preencha-a corretamente ao fim do post em spoiler.

    Código:

      
        Nome da arma*: Ex: Contracorrente, Katoptris, Aegis.
        Tipo de arma: Ex: Escudo, faca, lança e etc
        Dimensão da arma:
        Materiais à ser usado: Ex: Ferro, aço, prata e etc
      Descrição desejada: Como você deseja que seja a descrição dela em seu arsenal.
        Imagem para Auxiliar*:

    Para quem deseja apenas um melhoramento da arma, preencha a ficha seguinte:

    Código:
    [b]Arma:[/b]
    [b]Tipo de Atualização:[/b]
    [b]Itens a serem adicionados:[/b]






       Ps¹: Os itens marcados por * são opcionais






avatar
Mensagens : 48
Ver perfil do usuário
Heloise Vox WittemoreFilhos de Hefesto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon's Flame

Mensagem por Heloise Vox Wittemore em Sab Out 08, 2016 3:30 am

At the end of the night maybe you’ll find love Fake chit chat ’bout the things they got & my stout reputation keeping it hot girl
The Dragon's Flame


A gota d'água salgada escorria pela testa da loira. A temperatura extremamente abafada e característica de seu local de trabalho sequer a incomodava, Heloise estava acostumada, afinal. A prole de Hefesto trajava uma regata que um dia podia se chamar de branca, agora se encontrava encardida e parcialmente suja de graxa. O macacão jeans abotoado de apenas um lado, fazendo a peça pender para o lado direito do corpo da menina. E as madeixas loiras estavam amarradas num rabo de cavalo alto.

A ferreira sorria satisfeita olhando para o desenho de um projeto simples, no entanto útil e fácil que tinha em mãos. Era uma espécie de luva de couro com espinhos de titânio modificados. Ela separou o material comprado especialmente para aquilo.

Usando a própria mão como molde - visto que o material seria feito especialmente para ela -, Heloise pegou uma caneta própria para riscar couro e fez as marcações sobre o material. Quatro moldes foram feitos, dois para cada luva. Ao terminar os moldes, Heloise cortou metade da parte que cobriria seus dedos e fez os recortes de retângulos em cada um dos pares que compunham a luva.

Levou-as para a área de pintura e, utilizando um spray, ela deixou o couro úmido. Logo em seguida, aplicou camadas sutis de tinta preta no material até que atingisse um tom bem forte e deixou-as ali, secando. Ao findar o serviço, voltou sua atenção para o metal que decoraria e daria à luva algum tipo de poder em dano. Para o processo que se seguiria, a ferreira separou três materiais: titânio, osso de animal e o olho do trovão. Primeiro, ela triturou o osso até que esse virasse pó. Segundo, apossou-se da gema azul esbranquiçada que era o olho do trovão e a ralou até que, também, virasse um fino montinho de areia azulada. Por último e não menos importante, pegou o titânio e jogou-o na caldeira - que sempre se mantinha quente - para que, ao atingir a temperatura ideal, se tornasse titânio líquido.

O suor escorreu pela pele alva, a loira usou a destra para se abanar, mas de nada adiantaria. Voltou sua atenção para ir à procura dos moldes de espinhos (tachinhas) e de retângulos que seriam usados na luva e, assim que os encontrou, separou-os sobre a mesa. Heloise se aproximou do caldeirão com ambos pozinhos na mão, primeiro jogou o do osso e esperou que ele se misturasse ao metal líquido, logo em seguida despejou a "areia" azulada. Assim que o pó do olho de dragão entrou em contato com o metal líquido a eletricidade se fez presente e a prole de Hefesto se jogou no chão temendo o pior. Um... dois... três segundos se passaram e aquele foi o sinal de que tudo estava indo bem.

Assim que vislumbrou o interior da caldeira escaldante, notou algo surpreendente: o metal tinha adquirido o tom azul esbranquiçado da gema elemental. Ela sorriu, o sentimento de satisfação inundando-a por inteiro. Graças a automatização da forja, o processo de preenchimento dos moldes era simples. Bastou apenas que Heloise posicionasse a formas na mesa metálica e os braços mecânicos cuidaram de tudo, despejando o metal líquido líquido sobre os moldes, dando a eles uma forma. Assim que foram preenchidos, os braços mecânicos fecharam os moldes e os direcionaram até a caixa modificada que continha nitrogênio líquido. A loira aguardou por alguns segundos o resfriamento do metal e, quando abriu os moldes, lá estavam as peças que constituiriam sua luva. Seis espinhos extremamente pontudos, seis suportes para os espinhos se manterem presos às luvas e quatro placas retangulares.

Pegou os materiais fundidos e levou-os até onde encontraria as luvas. Se pôs a costurar tudo, deixando o serviço pronto. Era simples? Sim. O ataque não surtiria muito? Talvez não, mas um soco com aqueles espinhos pontudos certamente fariam algum estrago na face de alguém.

Observações:

Eboço. Direitos autorais reservados à Heloise.

ITENS USADOS:
♦Titânio x1
♦Olho do Trovão x1
♦Couro de Animal x1
♦Osso de Animal x1
♦Tinta x1

ITEM CRIADO:

Soqueiras: Um par de luvas dedo médio de couro negro. Possui placas retangulares em ambas as faces e espinhos pontudos na parte que cobre o nó dos dedos. O metal que a compõe é titânio fundido com osso de animal e pó de gema de olho do trovão concedendo-lhe um tom azul esbranquiçado, além disso, ele não derrete, não se quebra e não corrói. (+18 Dano elétrico +21 defesa). [Ø Heloisa]


Obs:. 18 do titânio em defesa/ataque e 18 do tiântio + 3 do osso em defesa.

avatar
Mensagens : 48
Ver perfil do usuário
Heloise Vox WittemoreFilhos de Hefesto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon's Flame

Mensagem por Eros em Dom Out 09, 2016 5:30 am


ATUALIZADO!

- Menos 30HP e 20MP

avatar
Mensagens : 144
19
Emprego/lazer : Criando amor
Humor : Depende do dia
Ver perfil do usuário
ErosDeuses Menores

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Dragon's Flame

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum